É OFICIAL! Homem-Aranha agora faz parte do Universo Marvel nos cinemas!


Hoje todos nós acordamos com uma notícia que logo de manhã fez milhões pularem de alegria em seus escritórios ou a caminho deles, uma notícia tão impactante que seria impossível eu ficar sem declarar nada diante dela.

Divulgada na madrugada, justamente pra nós meros mortais assalariados não sabermos, a Marvel Studios e a Sony Pictures anunciaram que o Homem-Aranha oficialmente passa a integrar o Universo Marvel nos cinemas.

Explicando melhor o acordo, a Sony Pictures vai continuar financiando, distribuindo e possuindo os direitos sobre o herói, mas confirmando o que vinha sendo especulado a MUITO TEMPO, a Sony "abriu as pernas" e cedeu os controles criativos a Marvel Studios.

Isso significa que à rigor, o teioso está confirmado no Capitão América 3: Guerra Civil e possivelmente no terceiro longa dos Vingadores que se baseia na saga Guerras Infinitas, alem de ter um filme próprio agendado pra 28 de julho de 2017 que Kevin Feige (cabeça da Marvel Studios) e Amy Pascal (que recentemente deixou o posto de chefia da Sony pra assumir "outro cargo" dentro da empresa) darão os rumos para o novo direcionamento criativo do herói. Hum... Sabemos bem qual é esse cargo Amy!

Não é confirmado, mas os antigos produtores, Avi Arad e Matt Tolmach, continuarão em seus antigos cargos dando pitacos criativos sobre o filme (o que duvido muito), e Andrew Garfield por enquanto não é confirmado que continuará na pele do amigão da vizinhança (mas torço pra que ele permaneça). Aliás, torço pra que J.K. Simmons retorne a franquia como JJJ Jameson!

Em comunicado a Sony Pictures através de seu site oficial declarou o seguinte:“Nós sempre quisemos trabalhar com os melhores e mais bem-sucedidos pra fazer nossas franquias crescerem e nossos personagens se desenvolverem. Marvel, Kevin Feige e Amy, que ajudou a orquestrar o acordo, são a equipe perfeita pra ajudar a produzir o novo capítulo do Homem-Aranha”, disse Michael Lynton, CEO da Sony Pictures Entertainment. “É a decisão correta pra franquia, pros negócios, pra Marvel e pros fãs”.

E a Marvel Studios postou em seu site oficial:“O Homem-Aranha tem mais de 50 anos de história no mundo Marvel, e com esse acordo, os fãs terão a experiência de ver o Homem-Aranha assumir seu lugar de direito dentro do Universo Marvel dos cinemas”

Kevin Feige declarou sobre tudo isso: “Estou muito feliz em produzir o próximo filme do Homem-Aranha junto com os meus amigos da Sony Pictures e Amy Pascal para. Com o envolvimento da Marvel, esperamos entregar a continuidade e autenticidade que os fãs de exigem do Universo Cinematográfico da Marvel. Estou igualmente animado com a oportunidade de ter o Homem-Aranha junto com a gente, algo que tanto nós da Marvel, e fãs, têm esperado por anos”. (Hell Yeah!)

Esse sim falou tudo!

Resumindo, esse é um acordo bom pra todos.

A Sony já faturou bilhões (sim, com o dedinho na boca) com o Homem-Aranha nas telonas, mas o reboot "O Espetacular Homem-Aranha" e principalmente o segundo filme da franquia não trouxeram os resultados esperados e muito menos as críticas minimamente esperadas em um bom longa. Além de claro, a Sony se render ao fracasso que desde o "Homem-Aranha 3" e o desesperado reboot com "O Espetacular Homem-Aranha" passou a cercar a franquia e FEZ um re-reboot se tornar necessário, hoje ela (felizmente) escreveu na testa (e admitiu) o atestado de incompetência de não saber como direcionar os rumos de seu único super-herói corretamente nos cinemas.

Então para a Sony que tem o Spidey como a galinha dos ovos de ouro - mas na verdade não tinha a mínima ideia do que fazer para recuperar a trama, e vinha tropeçando pelo caminho com especulações nada animadoras de projetos futuros como o longa com os vilões do teioso (Sexteto Sinistro) e até um filme só da Tia May (!) -, viu a chance na parceria com a Marvel Studiosde multiplicar seus ovos de ouro com um estúdio que tem toda a pompa de saber exatamente os seus passos futuros, arriscando ou não.

E para a Marvel que tem os planos confirmados de termos a saga "Guerra Civil" adaptada para o cinema, o estúdio deixou de correr o risco de ter uma das suas maiores histórias da editora não ser retratada de forma fiel nas telonas, logo, da ira e da decepção de todos os fãs de seus filmes. O Homem-Aranha é o principal personagem da Guerra Civil e é aquele que é o responsável por todos os dilemas morais da história.

A "Guerra Civil" nada mais é que o dilema dos registros dos super-heróis sendo postos na mesa, de um lado o Homem de Ferro defendendo o governo e de outro o Capitão América defendendo a liberdade, no meio o mais humano da turma, Homem-Aranha/Peter Parker, sofrendo todos os dilemas que isso causa, que é entre ser um fora da lei e ser um herói a trabalho de alguém.

O Spidey não podia ficar fora dessa, portanto, por mais que a Marvel Studios e Kevin Feige tivessem créditos, seria bem difícil essa adaptação ser feita sem ele. 

Bom, como disse, é um acordo bom pra todo mundo, A Sony fatura bilhões de trilhões com seu personagem e a Marvel tem de volta o controle criativo sobre seu herói. Não foram revelados mais detalhes do plano, mas obviamente o que se vê é que a Sony tentou ao máximo puxar a sardinha pra ela, afinal, o financiamento, distribuição e direitos continuam com o estúdio, mas penso que para a Marvel o controle criativo é mais do que suficiente para começar a quem sabe desgrudar um de seus principais personagens da Sony.

Estamos falando de um estúdio que tem sua agenda de filmes feita até incríveis anos de 2019, então creio que a Kevin Feige sabia muito bem o que estava fazendo quando anunciou essa adaptação da "Guerra Civil" e estava bem de olho em como a franquia do teioso ia mal das pernas lá na vizinha Sony. Sinal que devemos toda a credibilidade e devemos nos render a pintudice a ele.

A partir de agora uma pergunta fica no ar: Será essa uma porta aberta pra que o Quarteto Fantástico e os X-Men voltem a seu controle? O segundo é bem mais difícil pois tem uma franquia bem solidificada nos cinemas, já o primeiro depende muito do que acontecerá nesse polêmico reboot que pouco sabemos.

Só o que podemos fazer agora até 6 de maio de 2016 no lançamento de Capitão América 3, é respirar fundo, fazer silêncio e observar seu elenco confirmado (até agora):


Atores e respectivos personagens que já foram anunciados, mas não confirmados “oficialmente”: 
  • Paul Rudd (Scott Lang/Homem-Formiga)
  • Evangeline Lilly (Hope Van Dyne/Vespa)
  • Chloe Bennet (Tremor/Daisy Johnson)
  • Adrianne Palicki (Bobbi Morse/Harpia)
  • J. August Richards (Mike Petersen/Deathlok)
  • Charlie Cox (Matt Murdock/Demolidor)
  • Krysten Ritter (Jessica Jones)
  • Mike Colter (Luke Cage)
  • Paul Bettany (Visão)
  • Gwyneth Paltrow (Pepper Potts) 
  • Clark Gregg (Phil Coulson)
  • Elizabeth Olsen (Wanda Maximoff/Feiticeira Escarlate)
  • Aaron Johnson (Pietro Maximoff/Mercúrio)
  • Ming-Na Wen (Agente Melinda May)
..entre outros.

Entre tantas coisas que eu penso, na verdade, não tem nada melhor na vida do que meus heróis, um bom rock n' roll, cerveja, fritas, e um bom papo com uma boa companhia.

Voltando
Next Post »
Comentários
0 Comentários
0 Comentários